domingo, 2 de novembro de 2014

Emilio da Silva Neto, o suábio húngaro é destaque no empreendedorismo

O Jornal OCorreio do Povo de Jaraguá do Sul [SC], um dos mais antigo diário continua firme no propósito de garimpar história do cidadãos identificados com a história do desenvolvimento da cidade. Na edição de 1º de novembro, sábado, Emílio da Silva Neto foi destaque de uma matéria jornalística do colunista Ronaldo Correia, que deu luz à história da trajetória deste cidadão, descendente das famílias, Silva, Schreiner e Salomon.
O blog registra o fato, pois no presente momento Jaraguá do Sul tem ricas contribuições dos cidadãos remanescentes da Província da antiga Hungria, que desde 1891, somam para desenvolvimento da cidade, nos diversos campos do universo da sociedade do trabalho.
Assim, a presença húngara, a comunidade busca legitimar a história de suas conquistas e realizações,  como o aprendizado da Língua Estrangeira Húngara.
Portanto, faz sentido registrar o movimento dos remanescentes desta etnia, que tem seu rico legado cultural de contribuições à favor da construção da identidade e da marca Jaraguá.

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Sander Nagy, húngaro brasileiro e sua contribuição na pesquisa social


        Sander Nagy até pouco tempo era professor de arte, no Pará, região Norte do Brasil. O gosto pela brasilidade e latinidade herdou do pai um imigrante húngaro, que deixou importante contribuições no mundo da arte no Brasil.
          O professor Sander, há poucos anos atrás, deixou a região Norte do Brasil, migrando ao Estado de São Paulo, onde após intensa pesquisa com um grupo de intelectuais gerou a obra, "As Grandes Vedetes do Brasil".
       No dia 22 de outubro, o Correio da agência de Jaraguá do Sul [SC], entregou na minha residência, a obra elencada anteriormente, pois o autor tem vínculo com a cidade.
     Em certa ocasião Sander veio à cidade na condição turista para conhecer a comunidade húngara da Estrada Garibaldi,. Assim, com a família conheceram o patrimônio edificado das igrejas [Santíssima Trindade e Santo Estevão] católicas [embora não seja católico], bem como os cemitérios, espaços  de sociabilidade memorial.



No livro, na página 289, Nagy escreveu a seguinte dedicatória: 


Uma carta escrita a punho, em letra cursiva, por Sander Nagy encontrei na página 289, que revela a seguinte narrativa:



           Aos autores e o pesquisador Sander Nagy, externo os agradecimentos pela importante contribuição com a pesquisa social de entrevistas e periódicos, que gerou a mais rica obra sobre o assunto no Brasil.

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

26ª Schutzenfest - 18.10.14 - sessão de cumprimentos



Jaraguá do Sul [SC]: 26ª Schutzenfest - 18.10.14 - sessão de cumprimentos após a ritualística folclórica de busca de rei e rainha.Rei Fabiano Schmidt, suábio-húngaro brasileiro, da Sociedade Independência, da Estrada Jaraguazinho.

26ª Schutzenfest - 18.10.14 - Ritualística folclórica



26ª Schutzenfest - 18.10.14 - Ritualística folclórica de busca de majestades do rei e rainha do tiro da Associação dos Clubes e Sociedades de Tiro do Vale Itapocu, com sede em Jaraguá do Sul/SC.

26ª Schutzenfest - 18.10.14 - Sagração - II



26ª Schutzenfest - 18.10.14 - Momentos finais da sagração das novas majestades do tiro rei e rainha, edição 2014, na Festa dos Atiradores Jaraguá do Sul [SC]. Foto coletiva, no Pavilhão "B".

26ª Schutzenfest - 18.10.14 - sagração do rei suábio-húngaro brasileiro



26ª Schutzenfest - 18.10.14 - Momentos finais da sagração das novas majestades do tiro rei e rainha [Fabiano Schmidt e Camila Hansen], sendo ele de origem suábia húngara brasileira, na edição 2014, na Festa dos Atiradores Jaraguá do Sul [SC].

domingo, 14 de setembro de 2014

Encontro da Família Krammel em Pouso Redondo - SC



A família do Senhor André Krammel, após de longos de busca das origens iniciou recentemente, um movimento de encontro, para reavivar o sentimento pelo valor da amizade e da confraternização.
Em 2013 o encontro foi no mês de setembro em Joinville e o último aconteceu em 13 de setembro, último sábado, em Pouso Redondo.
Aproximadamente, 140 pessoas prestigiaram o evento, onde aconteceu o café matinal de recepção, apresentação dos diversos segmentos familiares, almoço e café festivo, bem como uma sessão de resgate histórico sobre a genealogia, que envolve os Krammel, Tischner e Henn.
A família Krammel é de origem suábia-húngara, que veio por volta de 1896 à região da Estrada Garibaldi, Colônia do Jaraguá.
Pouso Redondo foi escolhido, pois para aquela região ocorreu no inicio do século XX, um movimento migratório dessa família e outras, visando conquistar uma propriedade rural com mais produtividade, como foi a cultura do milho e arroz.
Atualmente, a família se ramificou e está presente em diversos estados da Federação e municípios catarinenses, contribuindo e atuando em diversos afazeres e profissões, que promove o desenvolvimento do Estado e do Brasil.
Da Associação Húngara de Jaraguá do Sul foi a enviada especial,  Bernardete Panstein, e da Fundação Cultural e Museu Histórico "Emílio da Silva, Ademir Pfiffer, o qual teve missão de registrar o evento para difusão das redes sociais e o blog suábios-húngaros.

Ademir Pfiffer - Historiador